quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Lisboa

Lá em baixo o reboliço da gente, o som dos passos apressados na calçada. Cá em cima a luz de um Verão intermitente, a doce preguiça, a vontade de não fazer nada.
Peço-te que fiques mais um pouco, que te demores nas cores da paisagem. (Olhas fixamente as casas mas não reparas nos telhados, lá ao fundo vês os prédios altos mas escapam-te as janelas).
Não me interessa o que vês ou não, no que reparas ou no que só finges olhar. Chega-me que o dia passe por nós e ali deixados - fiquemos, perdidos um no outro, com Lisboa como uma desenvergonhada desculpa.

9 comentários:

amberhella disse...

<3 tão perfect a imagem e o texto!!!!!

Carolina* disse...

Gostei muito do texto :)

Inês disse...

Obrigada meninas ;)*

Patrícia Neto disse...

já voltavas a escrever...!

Inês disse...

Ahaha. Pensei nisso ontem...mas este espaço já não me diz tanto.

Cylia disse...

beautiful picture! PS. To get a little bit in the Christmas mood.. Join my ‘Mystery fashion goodiebag’ giveaway with Monki, Pull & Bear goodies and more! here:
http://cyliaaaa.blogspot.com/2011/12/giveaway-x-mystery-fashion-goodiebag.html

Mara disse...

Que belas palavras sobre a nossa Lisboa!

Inês Rubio disse...

Obrigada Mara ;)

Telma disse...

Lisboa, adoro-te!

http://trapeziovermelho.blogspot.pt/